Nasceu em Bocchianico, Itália, Camilo lutou por Veneza contra os turcos percorrendo uma carreira militar e de jogador e terminando sem um centavo em Nápoles em 1574. Camilo entrou para a ordem do Franciscanos Capuchinos mas teve que sair devido a uma perna doente provocado por ferimentos na guerra contra os turcos... Devotado aos doentes e pobres Camilo chegou a ser diretor do Hospital São Giacomo em Roma. Seu confessor na época era não menos que São Felipe Neri e dele recebeu permissão para ser ordenado. Com dois companheiros ele fundou uma congregação para ajudar aos doentes chamada "Ministros dos Doentes " os Camilos.
Ele foi ordenado pelo Bispo Thomas Goldwell de São Asaph da Inglaterra e iniciou sua congregação, aumentou suas casas em 1583 e abriu uma casa em Nápoles. Camilo e seus homens cuidavam de doentes que chegavam com a praga em navios no porto de Roma. Em 1591 o Papa Gregório XIV aprovou oficialmente a Congregação e Camilo enviou seus membros para Hungria e Croacia. Eles trabalharam na primeira unidade medica de campo para cuidar de feridos na frente de batalha. Muito doente São Camillus renunciou como superior de sua Congregação em 1607 e faleceu pouco depois em Roma em 14 de julho de 1614. Ele foi canonizado em 1746 e declarado junto com São João de Deus, padroeiro dos doentes, pelo Papa Leao XIII (1878-1903).
O papa Pio XI (1922-1939) o indicou como padroeiro das enfermeiras e enfermeiros. Suas relíquias estão em Roma. Na arte litúrgica da Igreja ele é mostrado com a túnica da Ordem e é chamado "Pai da Boa Morte".


Sua festa é celebrada no dia 14 de julho.

Categories:

Leave a Reply